Simples Nacional: O que é e quais são os benefícios

simples nacional vantagens pequena empresaEstá começando sua empresa agora e já está pensando nas vantagens? O Simples Nacional pode ser a solução e encaixar perfeitamente com as suas necessidades.

Afinal, o que é o Simples Nacional? Trata-se de um regime tributário voltado para microempreendedores individuais, micro e pequenas empresas que se valem da desburocratização por meio de recolhimento único, declarações simplificadas e outras facilidades.

Quem pode desfrutar das vantagens do Simples Nacional?

Infelizmente, não é qualquer empresa que pode fazer isso. Tudo dependerá das atividades exercidas, faturamento anual (porte), tipo de empresa e quadro societário.

Por exemplo, quem fatura até 360 mil reais por ano, enquadra-se no perfil de microempresa (ME) e pode ter as vantagens do Simples Nacional.

Agora, a empresa que fatura entre 360 mil e 4,8 milhões de reais por ano (empresa de pequeno porte) pode utilizar os serviços do Simples Nacional desde que não possua outras empresas no quadro societário; o CNPJ não pode participar do quadro de outras empresas; sócios devem morar no Brasil e podem ter outras empresas, desde que o faturamento delas somado com a empresa principal não exceda o limite de 4,8 milhões em 12 meses; não é permitido ser uma sociedade por ações (S/A); não pode ter débitos com o Governo, Receita Federal, Estadual, Municipal e/ou Previdência.

Sim, é bastante coisa, mas se houver alguma dúvida em relação a sua EPP, converse com seu contador. Para ter tantas exigências, as vantagens devem ser bem interessantes, não é mesmo?

Quais são as vantagens do Simples Nacional?

Regularização da empresa

Os novos donos de empresa nem sempre sabem como fazer a regularização ou temem um pagamento abusivo que torne seu negócio inviável. Regularizar sua empresa resguarda seus direitos e protege você e a sua empresa legalmente.

As vantagens de tera uma empresa regularizada envolve facilidades em conseguir empréstimos, financiamentos e abrir uma conta bancária para seu negócio. Sem falar que não precisará temer uma fiscalização.

Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS)

O DAS é o imposto unificado a que nos referimos logo no início do texto. Ele reúne oito impostos diferentes:

  • ISS;
  • INSS patronal
  • ICMS
  • PIS
  • CONFIS
  • IPI
  • CSLL
  • IRPJ

Unificar todas essas taxas diminui a probabilidade de esquecimento, pagamentos repetidos e gasto de tempo gerando cada uma dessas guias.

Tributação menor

Juntar oito tributações em uma só deve sair caro, não é? Não, pois a tributação é reduzida. Tudo depende da atividade exercida, é claro. Caso tenha dúvidas, procure pela tabela do Simples Nacional ou com a sua empresa de contabilidade.

Certificado Digital

Empresas que aderem ao Simples Nacional e possuem menos de cinco funcionários, não têm a necessidade de contratar a Certificação Digital. Entretanto, essa não é uma regra para todo o Brasil, Porto Alegre e Belo Horizonte exigem o Certificado Digital de todas as empresas.

Regularização simplificada

Não tem jeito, às vezes a gente se enrola e alguns débitos acabam aparecendo. E não seria diferente em uma instituição. A diferença é que quem utiliza o Simples Nacional tem a vantagem de ter processos menos complexos junto à Receita Federal.

Contabilidade mais simples

Vai fazer uma alteração contratual? Se não pertencer ao Simples Nacional, certamente terá que ir atrás de algumas Certidões Negativas. Com o simples, você evita esse tipo de situação e de quebra ganha isenção de algumas declarações:

  • SISCOSERV
  • Sped Contribuições
  • DCTF

Redução dos custos patrimoniais

Ter funcionários auxiliando no dia a dia é fundamental para a saúde do seu negócio. No entanto, o custo para manter um colaborador é bem alto para a folha.

Mas, uma das mais importantes vantagens do Simples Nacional é a eliminação da contribuição de 20% do INSS patronal. Os colaboradores continuam muito bem assistidos, nenhum direito é retirado e a empresa contará com uma economia muito grande.

[Bônus] Seja um empreendedor de sucesso

Empreendedores de sucesso começam de uma forma bem simples: observando o mercado  e apontando os focos de mais procura, o que evitar e no que se inspirar.

Atualmente, uma área que tem crescido bastante é a de vendas online. Seja por meio de e-commerce ou marketplace, essa vertente do comércio está fazendo todo o sucesso que merecia.

Com a chegada da pandemia do novo Coronavírus, muitos empreendedores com lojas físicas se viram obrigados a migrar para onde os clientes estavam: a internet. O primeiro passo para quem quer seguir esse tipo de abordagem é legalizar a empresa.

A legalização vem por meio do registro. A formalização do seu negócio permite que você emita notas fiscais, contratar colaboradores e conseguir financiamentos com mais facilidade.

O que é necessário para registrar a sua empresa?

  • Escolha modalidade jurídica (MEI, EI, EIRELI ou ME)
  • Defina um nome;
  • Escolha o tipo de atividade (CNAE)
  • Acesse o Portal do Empreendedor, faça a solicitação de registro e obtenha seu CNP em menos de 24h

Assim que estiver com o seu CNPJ em mãos, a sua empresa está oficialmente criada e você já pode começar as suas atividades. E se você tiver interesse no mercado virtual, saiba que existe uma receitinha para um bom desenvolvimento.

Vendas online: o que vender?

Segmento: a base de um bom negócio

Segmento é a área em que você irá atuar, como por exemplo, bebidas ou peças automotivas. Observe o mercado e veja um segmento que combine com seus interesses e tenha boa saída.

Ter interesse pelo segmento é um ótimo início, já que você precisará se tornar um expert no assunto.

Nicho: a galinha dos ovos de ouro

O nicho é uma área do seu segmento que não tem muita gente fornecendo ou que realmente não exista. Ou seja, pode haver uma demanda não atendida, carente de serviços específicos.

Quer um exemplo? Você está atuando no segmento da beleza e descobriu que na sua região não há comercialização de produtos veganos, mesmo que a procura seja constante. Logo, esse pode ser o seu nicho de mercado, cosméticos veganos.

Anuncie em marketplaces

As vantagens de anunciar em marketplace é que você não precisará investir em desenvolvimento de site, aprimorar formas de pagamento e muito menos se preocupar com design. 

A melhor parte é que você pode anunciar em vários marketplaces ao mesmo tempo e aumentar o seu faturamento. Talvez, o único problema seja a administração constante do estoque para não se perder.

Mas para isso, o mercado oferece várias ferramentas, como o olist, que é uma empresa que unifica todos os marketplaces em uma plataforma que é de fácil gerenciamento.

Por fim, agora que você já sabe das vantagens do Simples Nacional, como abrir sua empresa e como vender online, está esperando o que para tornar sua empresa um sucesso?

E para quem quer saber mais sobre o assunto, recomendamos a leitura dos benefícios do Simples Nacional. Desejamos bons negócios!

Este post foi escrito pela equipe do olist, uma solução completa para lojas que querem vender online de forma prática e profissional. Com milhares de lojas parceiras em mais de 180 países, o olist tem ferramentas que facilitam a criação de loja virtual, a venda em marketplaces e a operação logística no e-commerce. Conheça o olist.